domingo, 23 de março de 2008

-untitled-

A poesia já vem pronta.
Revitalizada de prazeres e emoções
A poesia vem da utopia
Da contagiante histeria

Das moventes paixões.
A poesia já nasce estabelecida.
Definida, com toda serenidade.
Envolvida de todas as qualidades.

A poesia sou eu, é você, é ela.
A poesia é o que vejo na janela
E contemplo por horas e horas.

A poesia é o que a imaginação traz
É o seu sorriso fulgaz.
É a minha insensatez capaz.
De trazer poemas desconfigurados.
Parados, esperando por lamentos de amor.
Esperando a mais linda flor.
A minha linda flor do vale,
De linda beleza, inimaginável.
A minha linda flor, é afável.
Tem traços de papel
Estrela-guia desse imenso céu,
Passageiro, vibrante, dimensional
A poesia não faz mal.

A poesia também não faz bem
Mas, o que não faz bem é não fazer poesia.
A poesia é minha bela com seus belos olhos
A poesia é o ontem, é o hoje, e o amanhã.

É o amanhã, de manhã... depois daquela ressaca
É, você mesmo com cara de panaca.
Lamentando só.

A poesia não é comercial, nem angelical,
Ela não fala de mim, nem de você.
Ela só fala daquilo que você pensa, mas não vê.

A poesia só lamenta, só lamenta...
A poesia é você.

2 comentários:

alisson disse...

A poesia também pode ser um grito preso na garganta;
um olhar vago, perdido no meio da noite;
um sorriso que tenta libertar-se;
lágrimas que tentam fugir de nossas lembranças;

a poesia pode estar presente ou distante;
ela pode abençoar ou amaldiçoar aqueles que a encontram;
ela é capaz de sufocar seus amores e libertar suas aflições;
a poesia te ilumina e te conduz a caminhos escuros;

a poesia é clara e ao mesmo tempo escura;
ela é capaz de dizer tudo no instante em que não diz nada;
a poesia vence seus medos e penetra em sua alma, rasgando sua pele, fazendo você vomitar suas dores e angústias;

a poesia é tudo;
a poesia é nada;



abração rapaz,,, e parabéns,,,

Uilian disse...

Obrigado pelo comentário e 'reestrutura' do poema Alisson...
devemos perseverar e mostrar nossos escritos..ainda que possam ficar aquém de qualquer coisa...devemos exercitar, assim o tento...rs*
Abração e obrigado!